Este é um livro dedicado aos que se interessam pelos fundamentos da ciência. Um livro que nos leva aos aspetos menos conhecidos da génese de uma teoria científica. Neste caso, a génese da melhor teoria que o homem conseguiu construir até hoje: a mecânica quântica. Uma teoria que pôs em causa a crença de que a ciência moderna, ao reduzir toda a mudança acidental aristotélica à mera mudança de posição, ou seja, ao movimento local, nos permitiria avançar ilimitadamente no conhecimento do mundo. Niels Bohr, ao introduzir o princípio de complementaridade, sendo, por isso, o grande responsável pela interpretação do formalismo quântico adotada pela esmagadora maioria dos físicos, pretendeu que esta teoria evidenciava a existência de uma barreira inultrapassável para o nosso entendimento do mundo que nos envolve, ou, dito de outra forma, que existiria um resíduo irracional, o qual estaria agora expresso de uma forma matematicamente lúcida no formalismo quântico. É esta a razão porque penso ser necessário entender a génese do princípio de complementaridade. Um princípio que Niels Bohr introduziu na Física como pedra de toque da sua interpretação do formalismo quântico, e que moldou toda a história da física no século XX.

  • Formato: PDF
  • Protección: Adobe DRM
  • Limitaciones: Copiar y Pegar: Prohibido / Imprimir: Permitido
  • Editorial: CFCUL
  • Paginas: 177
  • Edición: 2011
  • Idioma: Portugués
  • ISBN 9789898247445

Ultimos vistos

El blog de boutique

La imprenta mayúscula para primeros lectores

Acompañar el desarrollo de las competencias de un primer lector implica considerar especialmente los disti.. Seguir Leyendo
Desarrollado integral del sitio: TAP